small-blog

Casa ou apartamento: qual dos dois alugar ou comprar?

Casa ou apartamento: qual dos dois alugar ou comprar?Em dúvida sobre comprar casa ou apartamento? Leia nossa guia completo e compare as vantagens e desvantagens de cada tipo de imóvel.Vejo que nem sempre as pessoas conseguem se decidir facilmente entre comprar ou alugar uma casa ou apartamento. Ainda assim, uma vez que tenham a chance de escolher e o orçamento é forte o suficiente para apoiar sua decisão, elas começam a empregar suas preferências pessoais e isso determina e conduz todo o processo. Vou explicar melhor.As pessoas geralmente são divididas com base em: preferem morar em apartamento ou preferem morar em casa. Há também uma parcela que é bastante propensa a mudar de ideia após uma análise adequada de vantagens/desvantagens.Mesmo que você não esteja fazendo a compra da vida, é melhor alugar uma casa ou um apartamento? Não há uma resposta geral para essa questão, pois a escolha é pessoal e investir em um imóvel depende de vários fatores.No entanto, uma análise adequada dos prós e contras das duas opções é uma boa maneira de começar a decidir.Casa ou apartamento: vantagens e desvantagensAs vantagens e desvantagens de morar em um apartamentoViver em um apartamento de luxo ou regular significa ter acesso a uma variedade de conveniências e comodidades, e este não é exatamente o caso de casas.Lojas de bairro, piscinas, academias de ginástica, churrasqueiras comunitárias, estacionamento e serviços de segurança são apenas algumas dessas delícias acessíveis.Em termos de segurança, os apartamentos são a melhor escolha. Edifícios residenciais são monitorados 24 horas por dia, por guardas de segurança e porteiros ou sistemas de segurança que permitem a entrada apenas com cartões ou códigos de segurança.Isso significa que ladrões não conseguem entrar facilmente nos condomínios, mas também que dificilmente passariam despercebidos pelos seus vizinhos.Além disso, as casas têm responsabilidades: uma vez que algo é quebrado ou deixa de funcionar, você é o único responsável por lidar com isso ou chamar uma equipe de manutenção para consertá-lo.Pode ser uma experiência problemática, já que encanadores e eletricistas levarão tempo para localizar o imóvel e provavelmente cobrarão uma fortuna pelo serviço mais simples.Por outro lado, os edifícios residenciais possuem equipes de manutenção próprias, que podem cuidar de seus problemas em pouco tempo. Isso significa que você ficará menos estressado e ansioso, e não pagará nada extra para corrigir esse problemas.O melhor lado de morar em um apartamento, no entanto, é interação e comunicação. Você estará cercado de pessoas que querem socializar e é muito provável que você crie amizades e relações para toda a vida.Se você realmente gosta de conhecer gente nova, fazer cafés ou churrascos, os apartamentos são o lugar perfeito para você.No entanto, nem tudo são flores sobre apartamentos. Eles vêm com um conjunto de desvantagens (aquelas que são bem embrulhadas e quase invisíveis à primeira vista).Para muitas pessoas, o fator decisivo é o tamanho: os apartamentos são na maioria das vezes menores que uma casa comum. E, portanto, as oportunidades de decoração e personalização precisam ser adaptadas.Um consolo modesto para essa desvantagem é que você terá menos espaço para limpar.Outra preocupação quando se vive em um apartamento é a privacidade. Estar cercado por tantas pessoas pode parecer estranho para quem está acostumado a morar em casas.Especialmente, uma vez que é preciso lidar com os hábitos “menos amigos” de seus vizinhos de porta mais próximos.Vizinhos são cantores, ótimos anfitriões de festa ou pais de um bebê chorando. Nesses casos é preciso ser tolerante do jeito que gostaria que eles fossem com você.Os apartamentos também não são a melhor recomendação para donos de cães. Quando você possui um cachorro em um apartamento, tanto você quanto o cachorro terão dificuldades para compartilhar um ambiente menor.Ainda assim, gatos ou outros animais de estimação pequenos não terão problemas com o tamanho do seu apartamento. Eles vão se ajustar ainda mais rápido que você.Resumindo, a decisão de comprar ou alugar um apartamento é uma questão de necessidades e preferências pessoais.Algumas pessoas escolhem apartamentos porque não têm muito dinheiro para gastar naquele momento. Outros porque moram sozinhos e não precisam de muito espaço.Enquanto alguns simplesmente amam esse estilo de vida residencial e seu aspecto social.Os apartamentos também são perfeitos para pessoas que querem manter as despesas baixas ou que estão passando por um período “transitório” em suas vidas e não sabem o que farão em seguida.Como você já viu, morar em um apartamento tem seu lado bom e ruim. E você tem que compará-los antes de tomar uma decisão apropriada.As vantagens e desvantagens de morar em uma casaVocê quer que as pessoas o visitem e desfrutem de suas festas? Uma casa é definitivamente o que você precisa!Ter grandes salas de jantar e quintais incríveis é perfeito para organizar reuniões amistosas. Especialmente, se você tiver quartos de hóspedes suficientes para receber seus convidados.Proprietários de casas concordam que ter uma casa fornece mais liberdade: você é totalmente livre para fazer seus próprios ajustes, adicionar ou estender peças e decorá-la de acordo com seus próprios desejos.Você pode se esforçar para obter uma permissão de construção, mas se você é dono da terra, você é teoricamente capaz de fazer o que quiser com ela. Basicamente, sua casa, suas regras!Quando você compra uma casa, ela geralmente tem uma garagem ou um espaço de estacionamento, enquanto garantir isso na frente de um prédio lotado pode se transformar em um verdadeiro pesadelo, caso você tenha escolhido uma unidade de apartamento sem garagem.Casas também são ótimas para lidar com questões de privacidade: você poderá fazer o que quiser, sem ter vizinhos “no pescoço” por causa de música alta, passos matinais ou festas na varanda.Quando você mora em uma casa, você poupa os vizinhos de reclamarem ou mesmo que seus olhos curiosos de “gravarem” o que está acontecendo com você.Você pode não ser o jardineiro mais apaixonado, mas certamente não recusará um quintal agradável, onde poderá relaxar e beber uma boa taça de vinho. Quem sabe, talvez você até se sinta inspirado a plantar algumas flores um dia.Se você mora em uma região quente também deve considerar uma casa. As casas geralmente são mais frias que os apartamentos e com o isolamento adequado e a sombra da árvore, não haverá necessidade de ar condicionado.Por último, mas não menos importante! As casas são muito maiores do que os apartamentos, o que lhe dá a oportunidade de experimentar soluções de design e modificar o espaço de acordo com as suas necessidades.Ainda assim, nem tudo sobre casas é tão perfeito. Um espaço maior exigirá maiores esforços de manutenção, com tons de piso e janelas para manter em perfeitas condições.Uma grande área ao ar livre também não facilitará as coisas. Além disso, é muito provável que você gaste uma boa parte de seu orçamento mensal com conta das contas de eletricidade, água e gás.Além disso, comprar uma casa é igual a fazer um compromisso vitalício. Uma casa precisa de cuidados e atenção constantes e, portanto, não é a escolha certa para pessoas que passam a maior parte do tempo trabalhando ou viajando.Seja qual você escolher, casa ou apartamento, certifique-se de que a opção atenda à s suas necessidades e desejos pessoais. Não apenas aquelas que você tem no momento, mas também as possíveis.O mais importante é encontrar um lugar que ofereça tudo o que você precisa e crie uma sensação calorosa de simplicidade e felicidade.Fale com um de nossos corretores ONLINE!15 99740-7001 - VENDA / 15 99849-5223 - LOCAÇÃO

Mais informações
small-blog

Vantagens em ter um imóvel exclusivo

No universo da LOCAÇÃO de imóveis exclusivos, todo mundo sai ganhando! Esse modelo de negócio apresenta MUITAS vantagens, tanto para você cliente, como para a imobiliária!  Um destes benefícios, e talvez o principal, é a rapidez e a eficiência no processo de locação. Isso porque o exclusivo pode ser melhor trabalhado no sentido de divulgação e na busca por melhores resultados. Pra você ter uma ideia do ganho, em uma pesquisa, o Creci do estado de Minas Gerais identificou que 89% dos imóveis negociados com maior agilidade são os negociados com contrato EXCLUSIVO! Além disso, ao ter um exclusivo você ganha também mais SEGURANÇA, TRANSPARÊNCIA, ASSERTIVIDADE e um atendimento personalizado e direcionado com o seu corretor.  DIVULGAÇÃO:Cuidamos da divulgação do seu imóvel exclusivo.Realizamos a produção de fotos e vídeos com câmera profissional.Nossa equipe especialista cria todo o conteúdo da sua propriedade com o máximo de detalhamento. Tem alguma dúvida sobre o tema? Quer ter um Exclusivo com a Innovare? Cadastre seu imóvel conosco: 15 99849-5223

Mais informações
small-blog

5 vantagens de deixar seu imóvel para alugar

5 vantagens de deixar seu imóvel para alugarVocê já é dono de um imóvel que você está pensando em alugar? Confira cinco vantagens que esta decisão traz:1. Mais facilidade para alugar: Nas condições atuais do mercado imobiliário, as chances de conseguir alugar o seu imóvel são mais altas do que vender. Além disso, é uma decisão mais prudente do que deixar o imóvel vazio.2. Renda extra: Do ponto de vista financeiro, esta opção é muito interessante para você. O investimento de tempo é baixo e garante uma fonte de renda extra a longo prazo, já que muitos contratos de aluguel duram entre 30 e 36 meses. Esta fonte extra de renda é uma forma de ter mais segurança financeira, criar uma poupança e traçar planos para o futuro.3. Imóvel bem cuidado: Com moradores dentro de sua casa ou apartamento, haverá um cuidado maior com seu imóvel, garantindo que ele ficará limpo e habitável durante o período de aluguel. Se for novo, as chances de ter que fazer manutenção são mais baixas do que se seu imóvel ficasse desocupado neste mesmo período.4. Investimento de baixo risco: Se você está interessado em começar a investir, alugar o seu imóvel é uma opção interessante pois o risco é baixo e o retorno é alto. Também é uma forma de aumentar seu patrimônio, que será importante na hora de comprovar seus ganhos na declaração de imposto de renda. 5. Ajuda profissional para administrar: Contratar uma imobiliária na hora de alugar seu imóvel oferece muitos benefícios para você. Além da ajuda para administrar seu imóvel, você terá a ajuda de profissionais com experiência no mercado nas etapas de divulgar, negociar e precificar sua casa ou apartamento. Além disso, a imobiliária está presente para te auxiliar na elaboração do contrato, vistoria do imóvel e em caso de inadimplências. Esta contratação torna o processo mais seguro e eficiente para você. Cadastre seu imóvel com a Innovare Online Gestão e Vendas CRECI: 32255-J 

Mais informações
small-blog

Alteração de nome e taxas antigo Minha Casa Minha Vida, atual Casa Verde e Amarela

O ProgramaPublicado em� 28/08/2020 10h19O� Programa Casa Verde e Amarela, do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), vai facilitar o acesso da população a uma moradia digna, garantindo mais qualidade de vida. A partir de medidas que darão mais� eficiência à aplicação dos recursos, a meta é atender 1,6 milhão de famílias de baixa renda com o financiamento habitacional até 2024, um incremento de 350 mil. Isso será possível com a redução na taxa de juros para a menor da história do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e mudanças na remuneração do agente financeiro.As regiões Norte e Nordeste serão contempladas com a redução nas taxas em até 0,5 ponto percentual para famílias com renda de até R$ 2 mil mensais e 0,25 para quem ganha entre R$ 2 mil e R$ 2,6 mil. Nessas localidades, os juros poderão chegar a 4,25% ao ano para cotistas do FGTS e, nas demais regiões, a 4,5%.Além do financiamento habitacional, o programa atuará com regularização fundiária e melhoria de residências, enfrentando problemas de inadequações, como falta de banheiro, por exemplo. A meta é regularizar 2 milhões de moradias e promover melhorias em 400 mil até 2024.Após a publicação da Medida Provisória da criação do Programa, as propostas serão analisadas e aprovadas pelos conselhos curadores do FGTS e do Fundo de Desenvolvimento Social (FDS). Ainda neste ano, serão publicados os primeiros editais para a contratação de regularização fundiária e melhorias habitacionais.Regularização e MelhoriasPublicado em� 28/08/2020 10h30� Atualizado em� 02/09/2020 14h34A Regularização Fundiária vai enfrentar um problema histórico no País e dar o título que garante o direito real sobre o lote das famílias, oferecendo segurança jurídica, a redução dos conflitos fundiários, a ampliação do acesso ao crédito, o estímulo à formalização de empresas e o aumento do patrimônio imobiliário do País. Serão contempladas áreas ocupadas, majoritariamente, por famílias com renda de até R$ 5 mil mensais que vivam em núcleos urbanos informais. Não poderão ser incluídas casas localizadas em áreas não passíveis de regularização ou de risco.Já a Melhoria Habitacional consiste na reforma e ampliação do imóvel, como construção de telhado, quarto extra, banheiro, instalações elétricas ou hidráulicas, colocação de piso e acabamentos em geral. Também poderão ser instalados equipamentos de aquecimento solar ou eficiência energética.As melhorias habitacionais são uma forma de aproveitar os investimentos já realizados pelas famílias em suas casas, além de respeitar os vínculos sociais e econômicos. Serão atendidos os ocupantes de imóveis nos núcleos urbanos selecionados para Regularização Fundiária, com renda mensal de até R$ 5 mil. É necessário estar no CadÚnico do Governo Federal, não possuir outros imóveis no território nacional e o proprietário ser maior de 18 anos ou emancipado.Com essas novas ações, o Governo Federal espera atender um número mais amplo de pessoas em vulnerabilidade social a menor custo para o Poder Público. O investimento em regularização fundiária e melhoria habitacional é muito menor (de R$ 500,00 a R$ 20 mil) se comparado aos recursos necessários à construção de uma unidade habitacional (média de R$ 80 mil).FinanciamentosPublicado em� 28/08/2020 10h40� Atualizado em� 28/08/2020 10h41O� Casa Verde e Amarela� vai garantir mais recursos para financiamento da casa própria. Isso será possível com a menor taxa de juros da história do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e com mudanças na remuneração do agente financeiro.As regiões Norte e Nordeste serão contempladas com a redução nas taxas de juros em até 0,5 ponto percentual para famílias com renda de até R$ 2 mil mensais e em até 0,25 para quem ganha entre R$ 2 mil e R$ 2,6 mil. Nessas localidades, os juros poderão chegar a 4,25% ao ano para cotistas do FGTS e, nas demais regiões, a 4,5%.O programa também prevê a redução da parcela de spread bancário (diferença entre o valor pago pelo banco aos correntistas e o cobrado nas operações de crédito) pago pelo Fundo aos agentes financeiros operadores do programa, sem comprometer a sustentabilidade das operações.As contratações de crédito viabilizadas por meio do Casa Verde Amarela ocorrerão nos moldes já implementados pelos agentes financeiros: os cidadãos interessados devem procurar diretamente as construtoras credenciadas e os bancos operadores.Em 2019, foram disponibilizados R$ 62 bilhões do FGTS para financiamentos habitacionais e, neste ano, o montante deve alcançar R$ 61 bilhões – dos quais R$ 25 bilhões já serão direcionados para os contratos de créditos no formato do novo programa.Saiba o que muda com o novo programaEntenda a diferença entre o Minha Casa, Minha Vida e o novo Programa Casa Verde e Amarela:�Publicado em� 28/08/2020 10h48� Atualizado em� 28/08/2020 11h11Modalidades de atendimento:MCMV:� única modalidade era produção habitacional.Casa Verde e Amarela:� atua com diversas modalidades – regularização fundiária, melhoria e produção habitacional financiada.Novas taxas de juros de acordo com os grupos:MCMV:� uma única taxa de juro para todo o País, com a variação de acordo com as faixas de rendaCasa Verde e Amarela:� taxas de juros variadas, de acordo com a faixa de renda e a localidade do imóvel. Redução da taxa para moradores do Norte e Nordeste, ampliação da abrangência de beneficiadas nessas localidades – com rendimento de até R$ 2,6 mil – e aumento do limite do valor do imóvel financiado.

Mais informações